(11) 91007-4004 contato@aktaliv.com.br Seg - Sab: 06:00 - 20:00
AKTA-Liv-Endocrinologia-Emagrecimento-tireoide-engorda

Tireoide engorda – mito ou verdade?

Muitas pessoas associam desequilíbrios da tireoide com o ganho de peso, mas afinal, tireoide engorda? Fique conosco e saiba mais sobre a glândula tireoide, como os hormônios tireoidianos agem no organismo, e se existem disfunções na tireoide que podem levar o paciente a engordar.

Embora muitas pessoas acreditem que tireoide engorda, a verdade não é bem assim. Essa é uma queixa frequente entre pacientes que sofrem de hipotireoidismo, condição que implica no funcionamento mais lento da glândula tireoide.

O hipotireoidismo leva à uma queda na produção dos hormônios da tireoide e alguns dos sintomas clássicos da doença são fadiga e metabolismo mais lento. Mas será que o aumento de peso entre pacientes com hipotireoidismo é culpa da tireoide? Ou será que outros fatores estão envolvidos nessa questão?

Para desmistificar essa ideia de que tireoide engorda e entender de uma vez por todas sobre a relação dessa glândula com o aumento de peso, fique conosco e leia o nosso blog.

Mas afinal, o que é a tireoide?

A tireoide é uma glândula em formato de borboleta localizada na parte frontal do pescoço, abaixo da laringe. Esta glândula é responsável por produzir os hormônios T3 (triiodotironina) e T4 (tiroxina), que são importantes para o equilíbrio das funções corporais.

Estes hormônios estimulam o metabolismo e garantem o bom funcionamento de todos os processos bioquímicos realizados pelo organismo. Quando há alguma disfunção na glândula tireoide, a produção desses hormônios fica desregulada, podendo ter consequências graves no nosso organismo.

Dentre as disfunções mais comuns da tireoide estão o hipertireoidismo e o hipotireoidismo, sendo esta última a mais comumente associada ao mito de que a tireoide engorda.

AKTA-Liv-Endocrinologia-Emagrecimento-tireoide-engorda-mulher-tocando-a-tireoide

Hipotireoidismo – a raiz do mito de que tireoide engorda

O hipotireoidismo é um dos distúrbios mais comuns da glândula tireoide. Nele, os hormônios T3 e T4 são produzidos em menor quantidade. Uma das causas mais comuns do hipotireoidismo é a Tireodite de Hashimoto, doença autoimune que acontece quando o próprio corpo ataca as células da tireoide.

O hipotireoidismo tem um impacto na saúde geral do paciente. Com quantidades reduzidas de T3 e T4 circulando na corrente sanguínea, o metabolismo fica mais lento, o coração bombeia menos sangue, os rins e o intestino trabalham com mais lentidão e a pele fica ressecada. Retenção de líquido, cansaço e desânimo também são sintomas da doença.

O hipotireoidismo é mais comum em mulheres, mas pode ser encontrado em homens e até mesmo em crianças. O diagnóstico pode ser feito pela dosagem do TSH que é produzido pela hipófise (também conhecida como glândula pituitária) e dos hormônios T3 e T4, que produzidos pela própria tireoide.

Com o metabolismo mais lento, o corpo passa a utilizar menos energia para executar suas funções básicas. Se a pessoa não estiver em déficit calórico (gasta mais energia do que consome na forma de alimento), haverá um acúmulo de calorias. Isso pode levar a um ganho de peso. Por outro lado, sintomas como cansaço em excesso podem desestimular o paciente a praticar atividade física regularmente, o que é muito importante para manter o gasto calórico em déficit. Todos esses fatores contribuem para a percepção de que este problema de tireoide engorda.

Diagnóstico de disfunções da tireoide

Quando existe a suspeita de desequilíbrio na tireoide, o endocrinologista solicitará alguns exames para verificar os níveis hormonais do paciente e orientá-lo quanto aos próximos passos. Um exame de sangue medirá a dosagem dos hormônios T3, T4 e TSH. Caso haja necessidade, o endocrinologista poderá solicitar um ultrassom.

Recomenda-se que pessoas acima de 40 anos façam acompanhamento regular com o endocrinologista. Além disso, também devem fazer o controle dos hormônios tireoidianos pessoas que apresentam os seguintes sintomas:

– Dificuldade de perder peso, apesar de ter hábitos saudáveis;

– Ganho de peso rápido;

– Queda excessiva de cabelo;

– Aumento do nível de colesterol no sangue;

– Cansaço excessivo;

– Dores musculares;

– Colesterol alto.

– Baixa libido;

– Alterações do humor;

– Constipação, e

– Mãos e pés frios, dentre outros.

Percebeu que esses sintomas são muito comuns e podem passar despercebidos ou ser negligenciados como “algo da vida” ou “apenas uma fase”?

Pessoas que têm fatores de risco para o hipotireoidismo devem estar atentas aos sinais e fazer acompanhamento regular com o endocrinologista. Alguns fatores de risco são:

– Mulheres acima de 30 anos e população em geral acima de 60 anos;

– Menopausa;

– Diabetes;

– Gravidez;

– Período pós-parto;

– Excesso de iodo na alimentação;

– Predisposição genética, dentre outros.

Uma vez identificada alguma alteração tireoidiana e iniciado o tratamento, diversos dos sintomas da doença serão controlados. Com os hormônios tireoidianos equilibrados e mantendo um estilo de vida saudável, é pouco provável que o paciente apresente ganho de peso.

AKTA-Liv-Endocrinologia-Emagrecimento-tireoide-engorda-mulher-obesa-feliz

Tratamento

O tratamento do hipotireoidismo, condição mais comumente associada à ideia de que tireoide engorda, é feito com a terapia de reposição hormonal. Com ela, os níveis hormonais de T3 e T4 tendem a ser regulados.

A não ser que o paciente seja diagnosticado com hipotireoidismo transitório, o tratamento de reposição hormonal deverá ser feito para o resto da vida. Entretanto, assim como outras doenças crônicas, é possível manter a qualidade de vida do paciente ao adotar um estilo de vida mais saudável.

É fortemente recomendada a prática de atividade física, deixar de fumar (caso o paciente fume), e a adoção de uma dieta balanceada e recomendada por um nutricionista.

Para que o tratamento do hipotireoidismo tenha maiores chances de ser bem-sucedido, é recomendado que o paciente faça um acompanhamento com equipe multidisciplinar. O endocrinologista acompanhará a saúde da tireoide e os níveis hormonais. Já o nutricionista adequará a dieta às recomendações clínicas do endocrinologista quanto ao desequilíbrio hormonal e visando à perda de peso. O fisioterapeuta poderá ainda auxiliar o paciente na inclusão de atividades físicas de forma segura e que contribua para o déficit calórico do paciente e permita o emagrecimento.

A ideia de que tireoide engorda é falsa, mas alguns desequilíbrios podem contribuir para o ganho de peso

É verdade que o hipotireoidismo pode estar relacionado a um aumento de peso. Porém esse aumento de peso não tende a ser tão significativo quando se imagina. Ainda, esse ganho de peso não ocorre pelo desequilíbrio hormonal por si só e está atrelado a diversos fatores como vimos hoje.

No entanto, o cuidado com essa condição é necessário e não pode ser negligenciado. Por isso, diagnosticado o hipotireoidismo, é necessária uma mudança hábitos para regular não apenas o peso, como promover o bem-estar do paciente.

Para quem tem essa disfunção, ou está apresentando alguns sintomas que mencionamos nesse texto – principalmente se possui histórico da doença na família – damos a mesma recomendação: fazer um acompanhamento especializado com uma equipe multidisciplinar que conte com endocrinologista, nutricionista e fisioterapeuta.

No Centro Terapêutico Akta Liv contamos com uma equipe multidisciplinar altamente especializada para te ajudar a cuidar da sua tireoide e alcançar o seu peso ideal. Se você acredita que podemos ajudá-lo, entre em contato e agende já sua consulta.

No Centro Terapêutico AKTA Liv trabalhamos primariamente com pacientes que apresentam transtornos alimentares, obesos, com sobrepeso e com morbidades relacionadas ao excesso de gordura.

obesidade já é considerada um problema de saúde pública e pode acarretar em sérios problemas para a saúde, como diabetes, hipertensão arterial, cardiopatias, problemas respiratórios, degeneração articular, dentre outros.

Todos os tratamentos oferecidos na Clínica AKTA Liv focam na perda e manutenção de peso a partir da adoção de hábitos de vida saudáveis, melhora da autoestima e, consequentemente, saúde e bem estar. Se você acredita que a Clínica AKTA Liv pode te ajudar, entre em contato conosco e agende uma consulta!

Quer emagrecer com saúde?

O Centro Terapêutico AKTA Liv conta com uma equipe especializada em emagrecimento saudável. Nossa vocação é cuidar de você.