#(11) 5084-1280 contato@aktaliv.com.br Seg - Sab: 06:00 - 20:00
Akta Liv - endocrinologia e emagrecimento - Fibroscan e Elastografia hepática para o Diagnóstico de Doença Hepática

Fibroscan e Elastografia para o Diagnóstico de Doença Hepática

Nem todos os exames disponíveis para a detecção de doenças no fígado proporcionam o mesmo tipo de informação.

Hoje vamos conhecer alguns dos exames mais modernos na detecção de doenças hepáticas como o Fibroscan e a Elastografia Hepática.

A Elastografia Hepática é uma forma não invasiva e indolor de medir a rigidez do fígado. A rigidez do fígado está correlacionada com a extensão da fibrose (cicatrizes) no tecido hepático que ocorre como resultado da inflamação e danos causados ​​por uma série de causas, como hepatite viral, álcool, fígado gorduroso ou depósito de ferro. Já o Fibroscan pode determinar com precisão a presença de cirrose, mas é menos preciso na diferenciação de graus leves e moderados de cicatrizes.

Quem se beneficiaria com estes exames?

  • Se você tem doença hepática conhecida
  • Se seus testes de função hepática estiverem anormais
  • Se você é alcoólatra
  • Se você está tomando medicamentos que podem afetar o fígado
  • Se você tem um fígado gorduroso

** Transcrição parcial da participação da Dra. Ana Priscila no programa Você Bonita, onde ela conversou com Carol Minhoto sobre doenças hepáticas e métodos de diagnóstico. Ao final do texto você encontra o link com o vídeo na íntegra deste encontro.

Carol Minhoto: Eu queria tocar na questão do álcool porque a maioria das pessoas acredita que a cirrose só é causada pelo excesso de bebida. Mas a gordura no fígado pode levar ao desenvolvimento de um quadro de cirrose?

Dra. Ana Priscila: Com certeza. Existem pessoas que vão ter cirrose por alcoolismo, por hepatite B e hepatite C. Mas hoje, a principal causa da cirrose é o acúmulo de gordura no fígado. Este é um problema que há vinte ou trinta anos atrás nem se pensava, porque a obesidade não era um problema tão grande.

Portanto, a ideia de se fazer um diagnóstico precoce da esteatose hepática vai permitir identificar em que fase da doença hepática o paciente se encontra e evitar a progressão da doença através do tratamento adequado.

Pergunta do Público: Qual é a diferença do Exame Elastografia Hepática para o Fibroscan?

Dra. Ana Priscila: Vamos primeiro entender o conceito da Elastografia, que é muito parecida com o Fibroscan – na verdade o que muda são os equipamentos. Então a gente precisa ver o que a Elastografia trouxe de novo e que pode acrescentar na conduta do médico.

Normalmente é feito um exame de ultrassom abdominal durante a consulta clínica e que permite ao médico avaliar tamanho, formato e estrutura do órgão, junto com a tomografia e a ressonância. Entretanto este exame não indica a dureza do tecido, que é o que caracteriza a fibrose, ou seja, o resultado não determina se há áreas mais duras ou mais moles no fígado. Entretanto, esta informação é necessária para que o médico determine se será necessário fazer uma biópsia hepática.

Então foi desenvolvida a Elastografia Hepática, que é um exame de ressonância junto com ondas sonoras que consegue avaliar a consistência do tecido. As imagens proporcionadas pela Elastografia são lidas a partir de uma escala de cor que identifica tecidos mais duros, ou seja, que têm fibrose e cirrose.

Em pacientes de risco para doenças hepáticas como alcoólatras, portadores do vírus da hepatite B e C, ou ainda com excesso de peso, no início da doença a gente vê áreas de fibrose no fígado inteiro, porém não no fígado inteiro. Se o paciente tem risco e o exame indica que já tem fibrose, é importante cuidar e  evitar que aconteça uma progressão para a cirrose e tome o fígado inteiro.

Então a Elastografia consegue mostrar SE e ONDE está concentrada a fibrose ou a cirrose. Já o ultrassom vai apenas avaliar se tem gordura no fígado ou não.  A tomografia, a ressonância e o ultrassom não conseguem indicar a presença de fibrose ou cirrose. A Elastografia pode ser feita pelo ultrassom ou por ressonância magnética.  

O Fibroscan é uma parelho que consegue ver a dureza do tecido, mas de maneira mais pontual. Ele é uma ponteira que só vê pequenas áreas, onde o equipamento está apontando. Tanto o ultrassom quanto a ressonância ele veem o órgão por inteiro e, portanto, o exame de Elastografia feito por estes meios pode dar mais informações, de uma maneira mais rápida e mais fácil do que o Fibroscan. Na questão prática, ambos os exames dão a mesma informação –  se o paciente tem áreas de fibrose ou de cicatriz.

Carol Minhoto: Então quando o médico identificar algum sinal de que o paciente pode ter gordura ou inflamação no fígado, ele vai mandar fazer algum destes exames, correto?

Dra. Ana Priscila:  Sim. E é importante ressaltar que a inflamação e a cicatrização (cirrose e fibrose) não estão necessariamente associadas ao excesso de peso. Eu tenho pacientes por exemplo que o ultrassom identifica uma esteatose grave mas que quando é feita a Elastografia, o exame mostra que a pessoa só tem depósito de gordura e não tem fibrose. Em outros casos, o paciente nem tem esteatose grave mas o fígado já mostra sinais de comprometimento avançado por conta de fatores genéticos, ou seja, estes pacientes não podem ter gordura no fígado pois podem evoluir para um quadro inflamatório e cicatriz.

Caso você tenha algum fator de risco, acúmulo de gordura abdominal ou histórico familiar de esteatose hepática ou cirrose, entre em contato conosco! A AKTA Liv é uma clínica de endocrinologia integrada localizada na Vila Mariana, em São Paulo. Além dos atendimentos presenciais na clínica trabalhamos também com telemedicina.

Se interessou pelo assunto e quer saber mais? A Dra. Ana Priscila Soggia participou de um bate papo muito importante sobre gordura no fígado, esteatose hepática, cirrose e formas de tratamento no programa Você Bonita, com apresentação de Carol Minhoto (27/09/2017). Vale à pena assistir!

***

Na Clínica AKTA Liv trabalhamos primariamente com pacientes que apresentam transtornos alimentares, obesos, com sobrepeso e com morbidades relacionadas ao excesso de gordura. Todos os tratamentos oferecidos na Clínica AKTA Liv focam na perda e manutenção de peso a partir da adoção de hábitos de vida saudáveis, melhora da autoestima e, consequentemente, saúde e bem estar.

Conheça o Centro Terapêutico AKTA Liv:

Blog

Consulta

Siga-nos nas redes sociais:

Instagram

Facebook

× WhatsApp