(11) 91007-4004 contato@aktaliv.com.br Seg - Sab: 06:00 - 20:00
Blog sobre produtos fit com Diversas Barras de cereal espalhadas em superfície

Produtos fit são mesmo uma escolha mais saudável?

Os produtos fit tem invadido prateleiras de supermercados, prometendo saúde e conveniência sem renunciar ao sabor. Mas será que o consumidor está bem informado sobre estes alimentos?

Você já comprou produtos fit por impulso, acreditando que seriam um incentivo a levar uma vida mais saudável, mas mesmo assim não vê mudança na balança? Você não está sozinha!

Para ter um peso saudável não basta apenas se exercitar. Cuidar da alimentação também é essencial! E a hora da compra é muito importante para garantir que os alimentos escolhidos estão alinhados com os objetivos da nossa dieta. Para isto, é importante que o consumidor aprenda a ler os rótulos dos alimentos processados antes de colocá-los no carrinho de compras – mesmo dos produtos “fit”.

A procura por alimentos saudáveis e produtos fit fez com que supermercados dedicassem seções inteiras a estes produtos. A indústria encontrou eco e repercussão nas blogueiras e influencers fitness que bombardeiam seus seguidores com posts pagos de chás emagrecedores, chocolates, pães, biscoitos e até pipocas, todos com a promessa de serem saudáveis e fit. E tudo isso por um preço premium, já que os produtos fit são vendidos como “diferenciados”.

Mas será que os produtos fit são mesmo saudáveis e podem substituir outros alimentos sem prejuízo nutricional?

Prato de peito de peru exibido como produto fit ou saudável

Aprenda a ler o rótulo dos produtos fit

Um erro que muitas pessoas podem cometer é o de achar que o rótulo é apenas a tabela nutricional e a lista de ingredientes. Mas o rótulo é toda informação contida na embalagem do produto, desde a data de validade, peso, sabores, até a quantidade de proteínas, carboidratos, lipídios, valor calórico e tamanho da porção usada na tabela nutricional.

Quando começaram a surgir os rótulos nas embalagens de alimentos, o propósito era dar informação de qualidade para o consumidor. Mas segundo o estudo da LIINC, a indústria alimentícia demonstrou reticente a utilizar informações nutricionais e de saúde, pois essas informações poderiam não realçar os atributos favorecidos pelo marketing do produto. Com o tempo, os rótulos foram se tornando mais uma opção de marketing, levando informações que acabam confundindo o consumidor para gerar lucro para a empresa alimentícia.

Dados publicados no relatório Brasil Food Trends 2020 nos informam que 40 % dos consumidores brasileiros afirmaram que a televisão é a principal fonte de informação sobre alimentos; 20 % se informam com médicos e nutricionistas e apenas 1 % dizem buscar informações nos rótulos dos produtos.

Para ter certeza de que os produtos fit são realmente saudáveis, aprender a ler o rótulo é imprescindível.

Conheça os ingredientes dos produtos fit

As diferentes possibilidades de nomear um ingrediente podem dificultar o entendimento de pessoas que não tem conhecimento técnico. Carboidratos podem ser chamados de monossacarídeos, polissacarídeos, dissacarídeos e oligossacarídeos. Já o açúcar pode ser chamado de maltose, galactose, sacarose, frutose, glicose, dextrose, açúcar light, açúcar invertido, xarope de malte, melado, e podem estar presentes por meio de mel, xaropes e sucos de frutas.

Assim, mesmo quando têm a intenção de comprar produtos fit com verdadeiro valor nutricional, a falta de conhecimento técnico pode sabotar a sua dieta. Embora o Brasil ainda careça de melhor regulamentação quanto aos rótulos, a ANVISA já estabeleceu algumas informações obrigatórias:

  • Nome do produto – nome descritivo do produto
  • Lista de ingredientes – ordem dos alimentos deve seguir do maior para menor quantidade.
  • Conteúdo líquido – quantidade total de produto dentro da embalagem em kg ou L.
  • Origem do produto – o local de fabricação do produto, inclusive se nacional ou no exterior.
  • Identificação do lote – esta informação permite o rastreamento do produto em caso de recall.
  • Prazo de validade – indica a data limite para o consumo seguro do alimento.
  • Advertências para alérgicos – após a lista de alimentos deve constar aviso em caixa alta e negrito indicando a presença de alergênicos.
  • Advertência para celíacos – identificar a presença de glúten.
  • Advertência para intolerantes à lactose – esta informação também deve ser destacada no rótulo.

Os rótulos dos alimentos são alvo de constante debate e atualizações, como a proposta de inserção de um selo de advertência para chamar a atenção nas embalagens de produtos que contém excesso de açúcar e gordura. Enquanto essas propostas ainda são debatidas, a legislação segue dando brechas aos fabricantes de produtos fit, não obrigando a especificar que todos os tipos de sacarose são açúcar, por exemplo.

Molhos de salada são considerados produto fit

Escolha produtos fit de verdade

Ter uma alimentação saudável pode ser mais simples do que parece. Priorize sempre alimentos in natura ou minimamente processados na sua dieta. Se organize para pelo menos uma vez por semana ir a feiras e supermercados e abastecer sua despensa com frutas, verduras, nozes, castanhas e cereais integrais.

É claro que com a rotina corrida, um alimento processado como a barrinha de cereal pode ser mais prático e conveniente. Mas, ao fazer sua escolha de produtos fit, leia os rótulos e pense que quanto menos ingredientes e quanto mais ingredientes conhecidos, melhor a qualidade do produto. Se você não entende uma boa parte da lista de ingredientes, significa que é um alimento ultra processado e que não deve fazer parte da sua dieta.

A nossa nutri Mayara Benetti gravou um vídeo sobre este tema para o nosso Instagram. Vamos assistir?

***

Se você gostaria de adotar uma dieta mais saudável, consulte-se com um nutricionista. Este profissional te dará recomendações personalizadas, além ter um papel fundamental na educação alimentar dos seus pacientes.

Agende já uma consulta com a Dra. Ana Maria Rossetti ou com a Dra. Mayara Vieira Benetti.

Dra. Ana Maria Rossetti

Nutricionista

Dra. Mayara Benetti

Nutricionista

***

No Centro Terapêutico AKTA Liv trabalhamos com pacientes que apresentam problemas hormonais, transtornos alimentares, obesos, com sobrepeso e com morbidades relacionadas ao excesso de gordura. Todos os nossos tratamentos focam na perda e manutenção de peso a partir da adoção de hábitos de vida saudáveis, melhora da autoestima e, consequentemente, saúde e bem estar.

Para alcançar estes resultados contamos com uma equipe multidisciplinar de profissionais em diversas áreas como endocrinologistas, nutricionistas, psicólogos e fisioterapeuta, já que entendemos que cada paciente é único e requerem uma proposta personalizada de tratamento.

Conheça o Centro Terapêutico AKTA Liv:

Blog

Consulta

Siga-nos nas redes sociais:

Instagram

Facebook

 

 

× WhatsApp